Quando pedir empréstimo para alavancar o negócio (e quando evitar)

Pegar dinheiro emprestado deve ser uma decisão muito bem planejada! Veja algumas situações em que o empréstimo pode ser a salvação e quando pode virar complicação
27 de junho de 2019LEITURA DE 7 MIN

Manter um negócio a todo vapor e gerando lucro demanda muito trabalho, planejamento e também investimento financeiro. Mas será que, em algum momento, vale a pena contratar um empréstimo para alavancar a produção ou as vendas da empresa?

Primeiro é preciso lembrar que, como todo passo importante, a contratação de um empréstimo deve ser uma decisão muito bem planejada. Isso porque, dependendo do desempenho do negócio, o dinheiro emprestado pode acabar criando uma dívida muito alta para a sua capacidade de quitar o valor.

Por isso, ao solicitar um empréstimo para pessoa jurídica, é importante pensar em diversos cenários. No mês em que as vendas ou prestações de serviços não forem muito boas, de onde vai sair o dinheiro para pagar o empréstimo? Preocupe-se com a reserva financeira do seu negócio, que atende tanto às emergências quanto aos meses de lucros escassos

Antes de assinar um contrato, conheça cada detalhe das condições da instituição financeira escolhida. Qual a taxa de juros mensal? Quais são os números mínimo e máximo de parcelas oferecidas? Existem vantagens para o pagamento antecipado de prestação?

Essas e outras questões devem ser esclarecidas na hora de pegar um dinheiro emprestado diretamente no banco ou em uma das opções de empréstimo online.

Quando vale a pena pedir um empréstimo para alavancar o negócio?

O empréstimo pode ser uma boa saída quando for necessário acompanhar o ritmo acelerado de crescimento do negócio. Se você vende bolos, por exemplo, e a sua empresa está crescendo rápido, com muitas encomendas, clientes novos e pedidos de receitas diferentes, vale a pena pensar em investir em equipamentos mais potentes.

Neste caso, usar o empréstimo para comprar um forno maior e mais moderno traz vantagens como a possibilidade de deixar os recursos que você ganhou com as vendas para o capital de giro do negócio. Enquanto isso, os novos utensílios vão permitir aumentar a produção de bolos e, consequentemente, os lucros da empresa.

Quando um negócio começa a crescer, também surgem oportunidades de expansão, como a escolha de um ponto fixo, a contratação de um funcionário e até a abertura de uma filial. Ao enxergar uma oportunidade de abrir uma nova unidade da sua empresa, por exemplo, pode ser que você tenha que investir mais dinheiro do que possui no momento — e o empréstimo se torna uma solução.

Não se esqueça que todas essas decisões precisam ser parte do planejamento estratégico e da gestão financeira do seu negócio. Elas não são escolhas que podem ser feitas por impulso ou sem nenhuma análise de todas as condições da empresa.

Quando é melhor evitar o empréstimo ou pensar duas vezes antes?

Algumas situações podem ser evitadas ou contornadas com outras soluções diferentes da contratação de um empréstimo empresarial. Evite contratar um empréstimo financeiro em um momento de desespero ou sem planejamento nenhum.

Um exemplo de situação que o empréstimo pode não ser a melhor solução é quando o dono do negócio percebe que as despesas estão ultrapassando o lucro. Se os custos de produção aumentam, mas as vendas ficam no mesmo lugar, um primeiro caminho a ser feito é analisar com calma cada operação para saber onde gastos podem ser diminuídos ou cortados. 

O empréstimo para alavancar o negócio quando ele vai mal, que é o contrário de conseguir mais dinheiro para manter o crescimento da empresa, deve ser duplamente refletido.

Mesmo sendo possível que, também nestes casos, o empréstimo seja uma boa solução — em busca de melhores condições de pagamento, taxas e juros, pessoas contratam um empréstimo como forma de refinanciar uma dívida, por exemplo — é preciso redobrar o cuidado para evitar piorar a situação financeira da empresa!

Conseguiu alavancar o seu negócio com um empréstimo? Conte para nós a sua história!

Equipe Dono do Negócio

O Dono do Negócio é um blog feito pela SumUp para te ajudar a vender melhor.