5 vantagens de ser Microempreendedor Individual (MEI)

A categoria é ideal para quem quer formalizar o seu negócio pagando menos impostos e com pouca burocracia
26 de setembro de 2019LEITURA DE 5 MIN

Desde 2009 o pequeno empreendedor pode se formalizar sendo um Microempreendedor Individual, o já conhecido MEI. O pipoqueiro, o prestador de serviços autônomo e quem faz quitutes por encomenda recebendo até R$ 81 mil ano pode se cadastrar no Portal do Empreendedor e passar a ser uma empresa registrada com até um funcionário

Mas, afinal, quais as vantagens de ser MEI? O Microempreendedor Individual tem uma série de facilidades justamente para possibilitar que o pequeno dono do negócio tenha uma empresa formalizada. Veja os 5 principais benefícios do MEI:

1. Cadastro de empresa

As vantagens de ser MEI e ter um negócio formalizado incluem o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), documento que possibilita a emissão de notas fiscais e dá acesso às contas bancárias empresariais e aos créditos especiais nos bancos. 

2. Menos imposto

O Microempreendedor Individual precisa pagar apenas um valor como imposto por mês. A taxa chamada de DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional) é constituída pelos seguintes tributos: ISS, ICMS e INSS. O valor será sempre o mesmo, o que facilita a gestão financeira do negócio. Em 2019, os valores vão de R$ 50,90 a R$ 55,90, dependendo da categoria na qual o MEI está, como comércio, indústria e serviços.

2. Abertura facilitada

Para se formalizar como um Microempreendedor Individual basta fazer um cadastro inicial no Portal do Empreendedor tendo em mãos o RG, título de eleitor ou declaração de imposto de renda, informações de contato e endereço residencial. Do seu negócio você irá precisar de dados sobre a atividade econômica realizada, a forma de atuação e um endereço. 

Baixe gratuitamente um miniguia para te ajudar a abrir o seu MEI 

3. Burocracia simplificada 

Uma das vantagens de ser MEI em comparação com outras categoriais de empresas é a burocracia simplificada. A gestão do MEI é feita pela internet ou por aplicativo de celular. No Portal do Empreendedor é possível pagar a taxa mensal de impostos, emitir o comprovante de Microempreendedor Individual e certidões de regularidade, assim como fazer a declaração anual de faturamento.

4. Não precisa de contador

Uma das vantagens de ser MEI é que o dono do negócio não tem a obrigatoriedade de manter um contador na empresa. Embora um profissional possa ajudar no crescimento e no gerenciamento do negócio, para quem está começando pode ser um custo muito elevado. Porém, é preciso ficar atento às obrigações do Microempreendedor Individual para não perder prazos de declarações anuais e do pagamento da DAS! 

5. Benefícios previdenciários

Mesmo sendo um empreendedor individual, ao pagar o DAS, o MEI tem acesso a benefícios da previdência como aposentadoria por idade, auxílio-doença, salário-maternidade e pensão por morte para os dependentes. Caso o Microempreendedor Individual tenha um funcionário, o trabalhador também deve ter esses direitos garantidos.  


Se você já é um Microempreendedor Individual, conte para nós quais são as suas vantagens preferidas! Ainda não é MEI? Saiba tudo sobre a categoria aqui.

Equipe Dono do Negócio

O Dono do Negócio é um blog feito pela SumUp para te ajudar a vender melhor.