O que é NFC e como usar a tecnologia no seu negócio

A tecnologia pode agilizar o momento em que o cliente vai pagar pelos produtos ou serviços da sua empresa
17 de março de 2020LEITURA DE 10 MIN

Você pode até nunca ter ouvido falar da tecnologia NFC – sigla em inglês para Near Field Communication, que em português pode ser traduzida como Comunicação por Campo de Proximidade – mas provavelmente já fez uso dela ao embarcar em transportes públicos e pagar a passagem com um cartão carregado previamente. 

NFC é uma tecnologia que permite a transmissão de dados entre dois dispositivos quando eles estão próximos – a cerca de 10 centímetros de distância. A inteligência é hoje utilizada em setores como o de pagamentos, o que permite que um cliente pague uma conta ou serviço apenas aproximando o cartão de crédito ou débito ou um dispositivo móvel como o celular da maquininha de cartão

A tecnologia NFC dispensa o uso de senhas em compras com valores baixos – normalmente menores do que R$ 50,00. Esse detalhe faz com que estabelecimentos com muitas filas e um bom fluxo de clientes, como os restaurantes na hora do almoço, consigam diminuir a espera dos consumidores, que poderão pagar o consumo de forma muito mais rápida.

Ou seja, permitir o pagamento por aproximação pode melhorar tanto a experiência do cliente, quanto a performance do negócio! Se você tem uma empresa voltada para o público jovem e ligada à tecnologia, por exemplo, poderá sentir um aumento rápido na procura por essa forma de pagamento. Mas qualquer tipo de empreendimento pode usar a tecnologia NFC no momento de receber o valor das vendas.

Quais são as vantagens do pagamento por aproximação?

Além de agilizar o pagamento em estabelecimentos com filas, podendo diminuir o tempo das transações pela metade, existem outras vantagens em saber o que é NFC e como usar a tecnologia.

Como a inteligência também dispensa o uso do cartão físico, permitindo que o cliente pague por um produto ou serviço usando apenas o celular ou outro dispositivo móvel, o negócio tem menos chances de perder um cliente que esteja sem dinheiro ou que tenha esquecido a carteira em casa. Ou seja, o consumidor terá mais opções de pagamentos como uma estratégia para aumentar os lucros

Para o dono do negócio, além de existir a mesma segurança de uma transação tradicional de cobrança com cartões de crédito e débito com chip, é comum que as taxas sejam as mesmas com ou sem NFC. Você não pagará nada a mais para aceitar pagamento por aproximação, assim como poderá manter os prazos para receber os valores das vendas na sua conta dependendo da sua maquininha. 

Sabemos que muitas pessoas já não andam mais com dinheiro em espécie na carteira tanto pela facilidade em pagar com cartões de crédito e débito, quanto pelo medo de serem furtadas ou roubadas. Neste cenário, a tecnologia NFC também pode ser encarada como uma vantagem, já que tem um valor máximo para pagamentos sem senha e fatores de segurança do lado do usuário e do empreendedor. Se você conhece bem o seu público-alvo, será possível fazer uma análise prévia e estimar a procura pela tecnologia de pagamento especificamente no seu negócio.

Vendas via NFC são mesmo seguras?

As transações pagas com a tecnologia NFC são validadas com o mesmo grau de segurança do que as que são feitas com cartões com chip. Ainda que não peça a senha do cliente em compras pequenas, o pagamento por aproximação segue rigorosamente as normas determinadas pelas bandeiras de cartão. 

O pagamento via NFC só funciona com uma distância entre um dispositivo e a maquininha de cartão de no máximo 10 centímetros. Ou seja, é muito difícil que uma transação aconteça sem que ninguém perceba, porque a distância é curta, o que dificulta qualquer tentativa de fraude. 

Para o dono do negócio que quer saber como funciona NFC para pagar, do lado do cliente, é importante destacar que: apesar de pequenos valores não necessitarem de senha de cartão, o próprio usuário também precisa habilitar no celular o método de pagamento por meio de um código pessoal ou com a digital caso vá utilizar uma carteira digital. Isso é importante para que o empreendedor não tenha medo de um cancelamento futuro de compras, seja com pedido de chargeback ou de reembolso. 

Como usar NFC no seu negócio

Para começar a aceitar pagamentos via NFC é preciso ter uma maquininha de cartão que tenha a tecnologia. As maquininhas Total e On da SumUp, por exemplo, já contam com essa inteligência e funcionam com um limite de até R$ 50,00 para transações sem a necessidade de senhas. 

O cliente que quer saber como fazer pagamento com NFC pode escolher pagar com alguns dispositivos móveis, como smartphones, smartwatch (relógios inteligentes), pulseiras e adesivos que contenham a tecnologia de comunicação por aproximação, além, claro, dos cartões chamados de contactless, que contém a inteligência do NFC. Caso escolha pagar com dispositivos móveis, o consumidor deve ter pelo menos um aplicativo das chamadas carteiras digitais, como Apple Pay, Samsung Pay e Google Pay.

Já para o dono do negócio, fazer uma venda com maquininha NFC não é muito diferente de cobrar o cliente que usa o cartão de crédito com chip. Para isso, são necessários os mesmo cuidados que o empreendedor já tem no seu dia a dia ao aceitar cartão, como ficar atento ao valor colocado na maquininha e perguntar se o cliente quer receber ou levar o comprovante de pagamento com o cartão após a transação.

Passo a passo para fazer uma venda com NFC nas maquininhas SumUp

Tem uma máquina de cartão SumUp? Saiba como vender por aproximação:

  1. Digite o valor da venda e aperte “enter”.
  2. Escolha a forma da venda: débito ou no crédito, à vista ou parcelada.
  3. Aproxime o cartão contactless ou o dispositivo móvel do cliente.
  4. Caso o valor seja mais do que R$ 50,00 o consumidor deverá colocar a senha.
  5. Pronto! O apito da maquininha indica que a venda foi feita!

Você já aceita pagamentos via NFC no seu negócio? Conte para nós a sua experiência!

Equipe Dono do Negócio

O Dono do Negócio é um blog feito pela SumUp para te ajudar a vender melhor.